15 de ago de 2013

Conjunto Habitacional Mazzaferro

Em Diadema estamos construindo 360 moradias para o programa habitacional Minha Casa, Minha Vida. São as obras do conjunto habitacional Mazzaferro
O Mazzaferro é o segundo empreendimento da RG arquitetura e construção que utiliza formas metálicas de alumínio para construir edifícios de concreto. E como estamos cada vez mais satisfeitos com esta tecnologia, investimos em um segundo jogo de formas.
O Emprendimento Mazzaferro divide-se em dois conjuntos: um com 120 apartamentos e outro com 240. A planta de todos os apartamentos segue a convenção de acessibilidade para deficientes físicos. É o segundo empreendimento da RGAC dentro destas normas. As melhorias são visíveis para aqueles que precisam de acessibilidade e, também, para os que não precisam dela.

A Fábrica de Prédios

A RG arquitetura e construção está investindo em tecnologias desenvolvidas especialmente para aperfeiçoar a construção civil. E uma das maiores novidades sobre estas tecnologias é que elas permitem a aplicação de processos industriais de produção na construção civil. O método que adotamos para isso é um processo de construção com fôrmas metálicas. As fôrmas são inovadoras porque permitem transformar o canteiro de obras da construção em uma linha de montagem industrial. A limpeza do canteiro, economia de materiais, profissionalização da mão de obra, redução do desperdício e a velocidade da construção são alguns dos benefícios proporcionados por esta tecnologia.
Mas, na verdade, o que nos deixa mais empolgados é a possibilidade de construirmos conjuntos habitacionais com mais velocidade. Essa evolução pode ajudar os programas habitacionais sociais a encontrarem uma solução mais eficaz para o déficit habitacional brasileiro. E a nossa parte dentro deste processo é investir em uma tecnologia que acelere a produtividade das construção e ajude a suprir logo a grande demanda por moradia nos grandes centros urbanos do país.

                                                                                                                                                      
fôrmas metálicas

fonte: RG arquitetura e construção   


Nenhum comentário: