11 de fev de 2012

REGIÕES COMO O CENTRO DE DIADEMA, NO GRANDE ABC, ATRAEM PELO PREÇO COMPETITIVO E MOBILIDADE URBANA EM RELAÇÃO À CAPITAL


Estudos divulgados recentemente (Folha de S.Paulo, 06/02) apontam que imóveis comerciais – salas, conjuntos, lajes – tem atraído cada vez mais o jovem investidor, em muitos casos executivos e assalariados, assim como profissionais liberais em ascensão, que buscam agora imóveis próprios para viabilizar seus escritórios ou ainda servirem como fonte de renda para seu negócio. Segundo declaração de Claudio Bernardes, que tomou posse esta semana na presidência do Sindicato das Empresas de Compra Venda, Locação e Administração de Imóveis Residenciais e Comerciais de São Paulo (Secovi-SP), a entidade aposta fortemente no potencial de locais como Diadema, Guarulhos e São Bernardo do Campo, pois terão crescimento acima do da cidade de São Paulo. Reforçando essa tendência, o Secovi-SP deve, nos próximos anos, focar em estudos e viabilização de mobilidade urbana entre essas regiões e a capital.


O centro de Diadema torna-se cada vez mais atrativo nesse cenário de expansão de investimentos, reunindo lançamentos comerciais de alto nível em uma localização de fácil acesso à cidade de São Paulo, com a conveniência de estar a poucos minutos do principal centro de comércio e serviços da região, como o Shopping Praça da Moça, a Prefeitura Municipal de Diadema, entre outros.

É neste local que a GMK Incorporadora lança, no próximo sábado, 11 de fevereiro, o empreendimento Front Offices com 161 unidades comerciais, sendo 158 conjuntos e três lojas, VGV de R$ 35 milhões, e unidades a partir de R$ 188.483,00.

“Fatores como o aumento de empresas se estabelecendo na cidade, os investimentos do poder público na região, a escassez de terrenos na cidade de São Paulo e a proximidade e fácil acesso de Diadema tem transformado o potencial da região, aumentando significativamente a demanda por imóveis comerciais”, afirma Andre Kovari, diretor de negócios da empresa. “Diadema se destaca entre as outras cidades do Grande ABCD por estar muito próxima a São Paulo, a apenas 17 km do marco zero na Praça de Sé, ao aeroporto de Congonhas e aos bairros Sacomã e Jabaquara. Com este empreendimento, buscamos oferecer um local com segurança e comodidade para profissionais liberais, empresas e investidores que veem em Diadema uma cidade que está em pleno crescimento”, destaca o executivo. E complementa: “Além disso, ainda é possível praticar preços muito competitivos na cidade, em comparação a São Paulo, sem perder na conveniência, já que o empreendimento está localizado em frente ao Shopping Praça da Moça”.

Localizado em um terreno de mais de 1500 m2 na rua Manoel da Nóbrega, uma das mais importantes de Diadema, o projeto contempla conjuntos que terão de 31 a 457 m2, e lojas de60 a 208 m2. É um dos primeiros lançamentos comerciais na cidade nos últimos dez anos.

Entre as facilidades, o projeto oferece terraço privativo em todas as unidades, infraestrutura para sistema de ar condicionado tipo split, preparação para piso elevado e previsão para o segundo ponto de água, possibilitando inúmeras opções para personalizar a unidade de acordo com as necessidades de cada atividade profissional, incluindo junção de plantas.

O lobby com pé direito duplo equipado e decorado, além da recepção com controle de acesso e sala de reunião pronta para uso do condomínio, garantem estrutura comercial completa, juntamente com garagem para visitantes com sistema rotativo e valet parking.

Com esse projeto, a GMK Incorporadora se consolida em Diadema, com cinco empreendimentos e mais de duas mil unidades lançadas em dois anos.

fonte:
                

Nenhum comentário: