20 de abr de 2009

Prefeitura doa área para construção de escola técnica

Elaine Granconato
Do Diário do Grande ABC

A Prefeitura de Diadema irá doar terreno municipal para a construção do prédio da Etec (Escola Técnica Estadual) no bairro Serraria, que terá capacidade para atender até 2.000 alunos de Ensino Médio e a introdução do curso de Enfermagem. O projeto do Executivo entra na sessão de quinta-feira para primeira votação.

Em área de 2.500 m², o complexo educacional prevê a construção de três pavimentos com 12 salas de aulas; seis laboratórios (Química, Biologia, Física, Gestão, Logística e Enfermagem); setor administrativo; lanchonete, estacionamento e biblioteca para uso da comunidade. O investimento da obra será de R$ 3,7 milhões.

O vereador Lauro Michels (PSDB) foi um dos principais articuladores entre o Ceeteps (Centro de Educação Tecnológica Paula Souza) do governo do Estado e a Prefeitura. "Os jovens do Ensino Médio terão o curso de Enfermagem como novidade nessa Etec", ressaltou o tucano.

Aliás, Lauro aproveitou o fim de semana prolongado para divulgar, a bordo de uma kombi pelas ruas da cidade, a unidade móvel do Poupatempo que ficará até sábado, das 9h às 17h, na Avenida Prestes Maia, 2.343, no bairro Taboão.

O Poupatempo Móvel é um equipamento do governo estadual que reúne vários serviços e presta atendimento em posto itinerante. "É a quarta vez que trago o serviço para o município. As pessoas podem, por exemplo, fazer a carteira de trabalho", declarou o vereador.

Interino - Desde ontem, o vice Gilson Menezes (PSC) é o prefeito em exercício de Diadema. O chefe do Executivo, Mário Reali (PT), viajou para participar de conferência de políticas públicas urbanas no Marrocos.

Nenhum comentário: