21 de abr de 2009

Empreendimento comercial gera 2,5 mil empregos em Diadema

MAYARA VOLPE
do Rudge Ramos Jornal

O Shopping Praça da Moça, em Diadema, vai mexer com a economia da cidade. Além da geração de 2.500 empregos diretos, prevê-se também mais de 5.000 empregos indiretos.

O secretário de Desenvolvimento Econômico da cidade, Luis Paulo Bresciani, avalia que o aumento de oportunidades de trabalho foi significativo. “Esse numero representaria um crescimento de 2,44% no total de empregos da cidade, que fechou 2008 com 102.533 postos de trabalho. Na questão do comércio, o crescimento em relação à posição final de 2008 seria de 17,3%.”, disse.

O secretário ainda acrescenta que a massa salarial gerada deve ser superior a R$ 1,5 milhão mensal ou cerca de R$ 23 milhões anuais, o que também estimulará a economia local.

Para Bresciani, o crescimento do comércio na cidade foi expressivo nos últimos anos, mas ainda há condições de se ampliar.

Antes da chegada do shopping, Diadema sempre teve um forte comércio popular. Localizado principalmente na região central, lojas como Casas Bahia, Maganize Luiza e Marisa atraem consumidores que agora podem optar também pelas compras no novo estabelecimento.

Apesar disso, o secretário disse que a inauguração do complexo não afetará as lojas de rua. “O comércio tradicional, próximo ao shopping, tende a se beneficiar pela maior atração de consumidores. O shopping também será uma referência no que diz respeito às necessidades de modernização do comércio local, no centro e nos bairros.”

Bresciani afirmou que a secretaria pretende realizar um projeto de qualificação da atividade comercial na cidade, em parceria com a ACE (Associação Comercial e Empresarial) e com o Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas) regional.

Investimento - O novo investimento, segundo de Roberto Martins, empreendedor do shopping, irá atrair consumidores de outras regiões. “A cidade passará a importar mais receita e exportar menos, inclusive com o aumento do número de visitantes de outras regiões, que passarão a consumir em Diadema.”

O secretário Bresciani concorda. “Diadema tem importantes fronteiras com São Bernardo e com São Paulo. Certamente o novo empreendimento tem potencial para atrair também moradores dessas cidades vizinhas.”

O Shopping Praça da Moça irá garantir um desenvolvimento econômico, em longo prazo, para o Município de Diadema, explicou Roberto Martins. “Com a estabilidade do shopping a possibilidade de se construir prédios comerciais, residenciais, hotéis, será muito grande”. Além disso, ele assegura que a cidade aumentará arrecadação de ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços) perante o Governo, e a Prefeitura terá mais verba para contribuir em melhorias para a cidade.

Nenhum comentário: