4 de mai de 2015

Prefeitura conhece Plano Diretor de Infraestrutura da Unifesp







A Prefeitura de Diadema conheceu na quarta-feira (29/4) o Plano Diretor de Infraestrutura da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) para o Campus Diadema. Ele contempla investimentos a curto, médio e longo prazo, que englobam, entre outras coisas, a construção de três prédios na primeira fase, para abrigar novos cursos e mais vagas de ensino aos alunos, laboratórios de pesquisa, biblioteca e auditório. A apresentação aconteceu durante reunião entre o prefeito, secretários municipais e representantes da universidade, no Paço Municipal.


A primeira fase de obras está prevista para iniciar no segundo semestre deste ano e a expectativa é de que um dos prédios (são cinco ao todo nas duas fases) fique pronto até 2017. A previsão é de investir aproximadamente R$ 75 milhões nos três primeiros prédios, cujos recursos são provenientes do Ministério da Educação e Cultura (MEC). 


Para acompanhamento dos projetos e execução das obras, que devem se estender por 20 anos, será formado um grupo de trabalho com técnicos da Prefeitura e da Unifesp, o qual se reunirá periodicamente.


Para a Secretaria Municipal de Educação, com mais investimentos, a população terá acesso a projetos da universidade. Atualmente, a Unifesp utiliza 12 salas de aula mais a cozinha, instaladas em dois andares da Fundação, resultado do termo de cooperação renovado em março de 2015 por mais cinco anos.  Em contrapartida, os alunos da instituição de ensino oferecerão aos estudantes carentes, com histórico de vulnerabilidade social, cursinho popular para incentivar os estudos com objetivo de melhorar o rendimento no Enem (Exame Nacional de Ensino Médio). O espaço recebe, diariamente, cerca de 3.200 pessoas, entre alunos, professores e demais funcionários. 


A reitora da Unifesp, Soraya Smaili, avaliou de forma positiva a reunião para apresentação do plano de expansão. “Agradecemos a acolhida da cidade para a universidade. Sentimos segurança em avançar e conquistar mais da cidade, para os profissionais e estudantes com tantos projetos em andamento”, destaca. 

A Unifesp está no município desde 2007 e conta atualmente com 2.683 estudantes matriculados em seis cursos de graduação e 147 na pós-graduação em cinco áreas do conhecimento. São 229 professores ativos, 16 temporários e 87 técnicos administrativos.

fonte: Solange Spiandorin -Portal PMD

Nenhum comentário: