22 de nov de 2013

Diadema inaugura obras no valor de R$ 48,5 milhões

Mais de 300 novas unidades habitacionais serão entregues pela prefeitura - Foto: Divulgação/Mauro Pedroso
A Prefeitura de Diadema inaugura entre os dias 30 deste mês e 23 de dezembro, 17 obras que totalizam R$ 48,5 milhões. O pacote faz parte das comemorações pelo 54º aniversário da cidade, celebrado em 8 de dezembro. Entre as inaugurações estão a entrega de 332 unidades habitacionais, uma escola de educação básica, uma praça, reforma de duas Unidades Básicas de Saúde (UBS); e quatro Centros de Referência da Assistência Social (Creas), além da primeira fase da revitalização do Parque do Paço. “Todas essas realizações foram em apenas dez meses de governo. Algumas obras tivemos de refazer, por conta de irregularidades. Porém, agora está tudo aí para a cidade”, declarou o prefeito Lauro Michels.

As primeiras entregas ocorrerão no próximo dia 30: 60 unidades do Conjunto Habitacional Krones e 1,5 quilômetros de extensão do coletor-tronco Curral Grande, que juntas, somam R$ 8,7 milhões. No dia 3 de dezembro, será a vez da Praça Georges Gebrail, no Jardim Marilene, que recebeu quadra poliesportiva, quadra de areia para futebol society, bancos, playground, baia de estacionamento e espaço reservado para colocação de duas caçambas de lixo.
Além das entregas, no dia 7 de dezembro a prefeitura inaugura o Natal Iluminado, com decoração que inclui uma árvore de 15 metros. “É a primeira vez que a cidade vai ter uma decoração assim, que foi totalmente feita com recursos de parceiros, sem investimento da prefeitura”, destacou Michels. Ainda no dia 7, durante a inauguração, haverá o sorteio do segundo prêmio da Nota Fiscal Cidadã, no valor de R$ 50 mil.
Ações futuras
Michels destacou, ainda, ações futuras, que estão sendo negociadas, como a transposição do corredor do trólebus para a avenida Fábio Eduardo Ramos Esquível, a construção da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) atrás do Hospital Municipal, que ainda depende da doação do terreno para a prefeitura pelos ministérios da Previdência e Saúde e projeto para construção de um viaduto no final da avenida Sete de Setembro. “Quero ser o prefeito de anunciar e entregar. Não quero ficar criando expectativas. Porque se for para um secretário ou governo anunciar, e a prefeitura tiver de arcar, não faço”, completou


O prefeito também afirmou que o Poupatempo, que será implementando onde hoje funciona a Central de Atendimento da prefeitura, deve iniciar atendimento em maio. Serão necessários cinco meses para as obras de adequação. “No primeiro anos passamos um pano na casa. Primeiro varremos. Aí passamos aquele pano para tirar a poeira grossa e agora vamos entrar com a faxina, como manda o figurino. Passar cera na mesa, pintar a parede, deixar a casa em ordem”, declarou, fazendo analogia com os dez meses de atuação da sua gestão.
fonte: Aline Melo - DIÁRIO REGIONAL

Nenhum comentário: