24 de jan de 2011

IMOBILIÁRIA PLANEJA CRESCIMENTO NO ABCD


A Plazza Brasil Imóveis, especializada em comercialização de lançamentos imobiliários, calcula VGV (Valor Geral de Vendas) na ordem de R$ 600 milhões para o primeiro semestre de 2011. A empresa tem 11 empreendimentos que serão lançados nos próximos seis meses, sendo oito no ABCD. Nos últimos cinco meses de 2010, a empresa registrou VGV de aproximadamente R$ 500 milhões.

A expectativa da Plazza Brasil Imóveis é que 2011 seja ainda mais promissor nas cidades de Mauá e Diadema. Outro destaque da empresa na Região é o braço de negócios dedicado à venda de imóveis remanescentes e de terceiros no ABCD, que completa um ano em 2011. A expectativa é de expansão de negócios no segmento.

fonte: ABCD MAIOR

2 comentários:

Anônimo disse...

Nós diademenses temos a falsa impressão de crescimento e progresso, já que essas construtoras estão inflacionado o solo urbano e pouco contribuindo para a desfavelização da cidade. As áreas que interessam a essas empresas são os resquícios de vegetação que ainda existem de forma isolada e esparsa.
Seria interessante se comprassem áreas particulares e carentes e pagando a seus moradores os dessem condições para residirem com dignidade.
Sejamos coerentes, queremos o progresso e a devida atenção que Diadema merece, mas não as custas de mais pobreza, voltada ao encarecimento e maior dificuldade para os moradores antigos da cidade estarem ainda mais distantes de morarem com qualidade, porque estes sem dúvida não sã oo público alvo.

Anônimo disse...

O problema é que a prefeitura de Diadema esta afundada em dívidas, senão poderia fazer acordo com o programa minha casa minha vida de forma que o cidadão morasse no mesmo lugar, mas com uma moradia digna.

Quanto as regiões centrais, sou totalmente a favor do desenvolvimento, há muitos espaços ociosos e mal aproveitados.