13 de jan de 2018

Hospital do iPhone amplia atuação e inicia 2018 com mais duas unidades, uma delas em Diadema


A rede de franquia especializada em assistência técnica e venda de acessórios da Apple Hospital do iPhone (HDI) começa o ano de 2018 com duas novas unidades. A marca, que já conta com nove pontos em São Paulo, abre os estabelecimentos em Diadema e na zona leste da capital de São Paulo.
As lojas inauguram no dia 16 de janeiro e os clientes podem conferir os serviços nos seguintes endereços: Avenida Oratório, 2200 – Parque São Lucas, zona leste da capital e na Rua São Judas Tadeu, 28 – Centro, em Diadema.
“Entramos para o franchising no início de 2017 e conseguimos fechar o ano com nove pontos comercializados. Já começamos 2018 com duas inaugurações, nossa meta para este ano é abrirmos mais de 30 lojas”, comenta Fabio Reis, diretor de expansão da rede.
De acordo com a Associação Brasileira de Franchising (ABF), no ano de 2017 o segmento de informática e eletrônicos teve grande crescimento, somente no terceiro trimestre cresceu 12,7% em comparação com 2016, sendo que no mesmo período o setor de franchising teve um aumento no faturamento de 7,8%, passando de R$38 bilhões para quase R$42 bilhões.
Para ser um franqueado do HDI, o interessado deve investir R$105 mil. O prazo de retorno estipulado é de nove meses.
Ficha técnica: 
Investimento inicial: R$105 mil
Taxa de franquia: R$35 mil
Taxa de instalação: R$55 mil (abertura de empresa, insumos, móveis e demais adequações)
Capital de giro: R$15 mil
Faturamento médio mensal: 30%
Prazo de retorno: 9 meses

20 de dez de 2017

Diadema integra plano de expansão da USCS para 2018


Prestes a completar 50 anos, a USCS (Universidade Municipal de São Caetano) está com um plano ambicioso a ser implementado no decorrer de 2018, ano do aniversário. Trata-se de amplo projeto de expansão da unidade, que prevê a instalação de mais três campus fora da sede, em Guarulhos, Barueri e Diadema. Os campi, num primeiro momento serão voltados para cursos de Medicina.
Em entrevista ao RDtv, o reitor da universidade, Marcos Bassi, afirmou que os pedidos foram protocolados nas três cidades há pouco mais de 15 dias e não houve qualquer objeção por parte dos prefeitos para implementação das unidades de ensino.
“Fui pessoalmente e conversei com os prefeitos de Guarulhos (Gustavo Henric Costa, o Guti – PSB), Diadema (Lauro Michels – PV) e Barueri (Roberto Furlan – PSDB). Trocamos um ofício dizendo que a gente quer ir e eles nos responderam que somos bem-vindos”, disse Bassi, ao revelar que as cidades foram escolhidas após realização de análise para os novos cursos.
O reitor também destacou que a proposta de expansão com as três cidades segue o modelo já desenvolvido em parceria com a Prefeitura de São Caetano, que visa crescer em conjunto com o poder público.
“Eu peguei a documentação, elaborei os três projetos e protocolei junto ao Conselho Estadual de Educação. Agora é aguardar o trâmite, imagino que deva demorar uns seis meses. Se tudo der certo, no segundo semestre do ano que vem teremos novidades”, acrescenta Bassi, que diz ter conversado com a presidente do conselho para explicar que o projeto vai gerar impacto positivo dentro das políticas públicas desenvolvidas.
Na oportunidade o docente também falou dos novos convênios assinados recentemente pela USCS com o Hospital Heliópolis e o Hospital da Força Aérea de São Paulo (HFASP), ambos importantes para os alunos de Medicina da instituição. No caso do Heliópolis o equipamento servirá para o início do internato para os estudantes.
Já na outra unidade de saúde, os estudantes do 3º e 4º anos poderão atuar juntamente com professores e preceptores nas áreas de ambulatórios, com 20 especialidades clínicas e cirúrgicas, centro de referência de saúde do trabalhador e centro de reabilitação.
A universidade também firmou convênio voltado para a área jurídica em parceria com o Ministério Público do Estado, Associação de Desenvolvimento dos Municípios do Estado (Ademesp). O acordo de cooperação técnico-institucional visa orientar, capacitar e aperfeiçoar práticas desenvolvidas por gestores municipais. “É para prefeitos e vereadores tomarem contato com o temas da administração pública”, afirma o reitor.

Outro ponto importante destacado durante a entrevista se refere a bolsas de estudo em São Caetano. Bassi (foto) afirmou que por conta do grande volume de concessões feitos pela Prefeitura, ficou difícil da gestão do prefeito José Auricchio Junior continuar com o benefício. Com isso, a partir de 2018, as bolsas deverão ser fornecidas pela universidade, que está criando um fundo de financiamento próprio para atender aos alunos. O projeto depende de aprovação por parte do conselho interno da USCS.
fonte: Repórter Diário

Shopping Praça da Moça recebe a Livrarias Curitiba



Mantendo seu plano de expansão, o Grupo Livrarias Curitiba – que é líder em vendas no Sul do Brasil - abrirá sua primeira loja na cidade de Diadema (SP) no dia 22 de dezembro, no Shopping Praça da Moça. A unidade, que recebeu investimentos de R$ 3 milhões, será a 28ª da rede, terá área total de 600 metros quadrados e vai gerar 25 empregos diretos.
A loja comercializará cerca de 50 mil itens entre livros [nacionais e importados], músicas e shows [CDs, DVDs, Blu-Ray e LPs], filmes e séries [DVDs e Blu-Ray], games [acessórios, consoles e jogos], itens de papelaria [embalagens, escritório, escolar e festas], tecnologia [smartphones, eletrônicos, áudio, cine&foto, informática, software e suprimentos] e presentes [brinquedos e jogos, canetas, gifts, globos, porta-objetos, quadros, pôsteres, aparadores, caixas, camisetas, linhas escritório e retrô]. Ao mesmo tempo, o ambiente será um ponto de encontro com espaço infantil e local para eventos culturais gratuitos.
Mais de 200 produtos estarão com 20% de descontos, já na abertura da loja. Todo o mix pode ser conferido no site www.livrariascuritiba.com.br Outro diferencial oferecido é o cartão fidelidade Leio+, totalmente gratuito e sem anuidades. A cada R$ 2,00 em compras, o cliente ganha 1 ponto e a partir de 150 pontos pode trocar por diversos prêmios. O cadastro também é gratuito e feito na hora, no caixa da loja.
“A cidade integra uma região com boa densidade populacional, elevadas taxas de crescimento anual, alto Índice de Desenvolvimento Humano, muitas empresas, importantes centros de ensino e está próxima à capital, fatores que contribuem para a nossa chegada”, explica Marcos Pedri, diretor comercial da rede que tem sede em Curitiba (PR).
Para a gerente geral do Shopping Praça da Moça, Miriam Cassarolli, a vinda da Livrarias Curitiba para o empreendimento é motivo de comemoração, já que a loja trará uma extensa variedade de produtos. “Estamos muito felizes com a chegada desta grande marca, que irá não somente complementar ainda mais o nosso mix, como também oferecer ao público mais opções de produtos culturais e educativos”.
Arquitetura
Dentro do novo conceito das lojas, o espaço agrega nichos de produtos, mezanino, formato que privilegia todos os departamentos, mesas, poltronas e luminárias para leituras - criando espaços de conforto para oferecer um ambiente mais intimista. Já as Show Cases, pequenas torres internas com luz especial, destacam os produtos de maior valor dentro de suas áreas.
Na luminosidade, ênfase para a técnica Wall Washer que consiste em fixar pontos de luz equidistantes embutidos no teto para focalizar a textura da parede, sinalizar os caminhos e valorizar a arquitetura da loja. “Isso demonstra toda nossa preocupação para que os visitantes tenham o máximo conforto e encontrem tudo o que procuram num único local”, ressalta Pedri.
Eventos culturais
Há mais de 30 anos o Grupo Livrarias Curitiba realiza amplos projetos culturais que englobam os lançamentos de livros, semanas culturais, hora do conto, sessões de autógrafos, pocket-shows, clube de conversação de idiomas, palestras e muito mais.
Somente em 2017 as lojas fizeram mais de 900 ações culturais – todas gratuitas. Entre os nomes mais conhecidos que vieram conversar com o público destaque para Alice Ferraz, Bibi Tatto, Cristiane e Renato Cardoso, Deltan Dallagnol, Felipe Neto, Gloria Kalil, Míriam Leitão, padre Reginaldo Manzotti, Thalita Rebouças e os americanos Abbi Glines, Charles Duhigg, Gayle Forman, Julia Quinn e Nicholas Sparks.
“Vamos realizar ações culturais nessa loja de Diadema, trazer autores locais e consagrados para interagir com as pessoas e ampliar o conhecimento. Com essas atividades de cultura, lazer e entretenimento esperamos um público mensal de 30 mil pessoas”, finaliza Pedri.
Sobre o Grupo Livrarias Curitiba
O Grupo Livrarias Curitiba nasceu em novembro de 1963 e tem mil colaboradores fixos. A corporação tem cinco canais de vendas formados por 28 lojas físicas nos estados do Paraná [Curitiba, São José dos Pinhais, Ponta Grossa, Maringá, Londrina, Foz do Iguaçu], Santa Catarina [Joinville, Blumenau, Itajaí, Balneário Camboriu, Florianópolis, São José, Criciúma] e São Paulo [São Paulo capital, São José dos Campos, Taboão da Serra e agora em Diadema], uma distribuidora de livros e artigos de papelaria que atende no atacado, uma área destinada às licitações, outra voltada ao corporativo e o site www.livrariascuritiba.com.br
fonte:  Portal ABCdoABC

16 de dez de 2017

Dicico reinaugura loja conceito multi em Diadema


A Dicico reinaugurou na quinta-feira (7) mais duas lojas com o formato Dicico Multi, uma na zona leste em São Paulo, e outra em Diadema. Com isso, a rede chega a três unidades no conceito multi. A primeira foi entregue ano passado, no bairro São Miguel Paulista, também na Capital. No novo modelo, os clientes terão outra experiência de compra, baseada na loja de vizinhança, que é próxima, aconchegante, com atendimento diferenciado e novidades em produtos e serviços para solucionar todas as necessidades do dia a dia da casa.
A Dicico Multi oferece tudo para quem quer fazer reforma e manutenção. “Nesse novo modelo de loja, agregamos ainda mais na ampliação da variedade de produtos”, afirma Eduardo de Vries, diretor presidente da Construdecor, companhia que opera as lojas Dicico e Sodimac no Brasil. Nesse sentido, destacam-se áreas jardinagem, que traz plantas, flores e ferramentas para o jardim, e pet, com acessórios e alimentos para cães e gatos. Outra inovação é o Centro de Cores, onde a marca própria de tintas Kolor é preparada na hora, com mais de 100 mil cores vendidas no mesmo preço que a tinta branca.
Em relação ao portfolio, estão disponíveis diversas marcas e tendências em pisos e revestimentos, acessórios para cozinhas e banheiros, materiais elétricos e hidráulicos, portas e janelas, ferramentas e ferragens, equipamentos de proteção individual, itens de iluminação, climatização e organização da casa. Além dos produtos expostos na loja, disponibiliza mais de 20 mil itens no e-commerce, como decoração e móveis. Nesse caso, o consumidor escolhe se prefere receber em casa ou retirar diretamente na loja.

Vizinhança

Sobre o conceito de loja de vizinhança, Vries explica que o objetivo de estabelecer uma relação de vizinho para vizinho com os clientes dos bairros onde as lojas estão instaladas. Queremos que eles se sintam na casa de um amigo e venham nos visitar não somente quando fazem uma reforma, mas sempre que precisarem de qualquer produto ou apenas para conferir as novidades e tomar um café com a equipe de vendas.
Para isso, os vendedores estão à disposição para apresentar a melhor solução, seja para pequenas reformas ou para as diversas demandas que surgem no dia a dia, como uma troca de lâmpada ou serviço de chaveiro – um dos muitos serviços disponíveis. Há também serviços de instalação de pisos, revestimentos, portas, janelas, ar-condicionado, louças sanitárias, metais, luminárias, ventiladores, chuveiros e churrasqueiras, além de mão de obra para pinturas em geral. Tudo é pago diretamente para a loja.

Na Dicico Multi, é possível alugar máquinas e ferramentas, que vão desde parafusadeiras até andaimes, e contar com o serviço de corte de tubos, correntes, fios, lonas, telas de mosquiteiro e passadeiras (tapetes). Com 52 lojas no Estado, a rede possui mais duas unidades no ABC: em Mauá e Santo André.
fonte: Repórter Diário

29 de out de 2017

USCS prevê campus para Medicina em Diadema em 2018



A USCS (Universidade Municipal de São Caetano) e a Prefeitura de Diadema firmaram, na manhã de ontem, acordo para que os estudantes do curso de Medicina da instituição de ensino realizem estágio na rede de Saúde municipal a partir de 2018. Além disso, foi assinado protocolo de intenções para a instalação de campus da universidade na cidade, o que depende apenas de autorização do Conselho Estadual da Educação.
O convênio para uso da rede pública de Diadema para estágio dos estudantes terá início em fevereiro do próximo ano, quando serão recebidos nas unidades de Saúde estudantes dos três primeiros anos da graduação, o equivalente a 360 alunos. Os educandos irão acompanhar os atendimentos de baixa e média complexidade, sempre com a supervisão dos profissionais da rede.
“São duas ótimas novidades. É um ganho muito grande para a cidade. Além do estágio dos alunos, teremos um hospital escola com a chegada do campus. Agradeço a universidade pela parceria com a Prefeitura.Diadema está avançando cada vez mais”, comentou o prefeito durante a cerimônia.
“É um grande orgulho para universidade estar em Diadema. Esta será uma parceria ganha-ganha, onde os alunos poderão aprender e a Prefeitura poderá contar com 360 estudantes colaborando nas unidades básicas de Saúde e hospitais”, destacou o pró-reitor e diretor do Inpes (Instituto de Pesquisas) da USCS, Leandro Prearo. “Já houve aprovação dos órgãos internos da USCS e agora esperamos a posição do conselho estadual de Educação (se aprova ou não)”, completa.
“A Saúde de Diadema dá mais um grande passo. Os alunos terão uma formação profissional voltada para a prática. Isso é muito importante, e a rede recebe este reforço no auxílio de atendimento”, comentou o secretário de Saúde, Luiz Cláudio Sartori.
O curso de Medicina da USCS passou a ser oferecido em 2014. A instituição conta com dois campi em São Caetano – Centro e Barcelona –, além de unidade na Capital, na Bela Vista.
REGIÃO
Atualmente, três instituições de Ensino Superior oferecem Medicina na região. Além da USCS, há a FMABC (Faculdade de Medicina do ABC) e, recentemente, a Uninove (Universidade Nove de Julho) abriu as portas em São Bernardo e Mauá.
VESTIBULAR
A USCS está com inscrições abertas até o dia 13 de novembro para o vestibular do curso de Medicina. A prova será realizada no dia 2 de dezembro. A taxa custa R$ 350 para cada inscrição.
fonte: Natália Fernandjes
Do Diário do Grande ABC 

9 de set de 2017

Empresários marroquinos da área de cosméticos visitam Diadema



Na próxima terça-feira (12/9), às 9h30, o prefeito de Diadema, Lauro Michels, recebe em seu gabinete um grupo de empresários e representantes do governo marroquinos da área de cosméticos. A comitiva vem a Diadema para apresentar produtos orgânicos (linha pele e cabelo) feitos no Marrocos e também conhecer empresas do Município que atuam no mercado da beleza.
As empresas locais a serem visitadas são a Davene e Lipson e os encontros acontecerão às 11h na primeira e às 14h30 na segunda.
Diadema é uma cidade com parque industrial formado por mais de 1.000 empresas e nele está inserida toda a cadeia produtiva do cosmético. Para fomentar esse mercado, no ano passado, a Prefeitura criou o APL Cosméticos de Diadema e Região, com o objetivo de qualificação de mão de obra, aumento de postos de trabalho  e abertura de novos mercados.
Além de fomentar negócios, a vinda da delegação marroquina ao Brasil é também uma oportunidade para troca de boas práticas entre os dois paises. Brasil e Marrocos possuem rica biodiversidade, o que facilita a produção de óleos essenciais e medicinais muito utilizados na área da cosmetologia. É do Marrocos que vem a maior produção do Óleo de Argan. O componente é largamente usado na fabricação de cremes para cabelos, em massagens e produtos aplicados em spas.
Acompanham o prefeito na vinda dos empresários marroquinos a Diadema, o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e Trabalho, Laércio Soares, o assistente de secretária Jorge Bialli e o presidente da Câmara Marcos Michels. Representantes do setor também estarão presentes, entre eles a  Ciesp/Diadema,  a Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos (ABIHPEC) e a empresa Felps Cosméticos.
fonte: Portal ABCdoABC

NotreDame Intermédica amplia atendimento em Diadema


O Grupo NotreDame Intermédica dá continuidade ao plano de expansão da sua rede própria e inaugura, no próximo 14 de setembro, o Centro Clínico em Diadema. O espaço tem 4.200 m² de área construída e está situado na Avenida Fábio Eduardo Ramos Esquível, 2421, Jardim Concórdia.
Com atendimento 24 horas, os beneficiários do Grupo NotreDame Intermédica terão acesso às seguintes especialidades: Avaliação Técnica Cirúrgica (Pequena Cirurgia), Clínica Médica e Pediatria com ou sem hora marcada, Ginecologia e Obstetrícia, Ortopedia, Pequena Cirurgia, coleta de exames, Raio X e Ultrassom.
O novo Centro Clínico tem capacidade de atendimento de até 30 mil consultas por mês e possui 39 consultórios, 14 leitos de observação, 8 pontos de nebulização, 2 salas de pequenos procedimentos e uma sala de decisão clínica, amplo estacionamento e lanchonete. “Este novo Centro Clínico é mais um investimento do Grupo NotreDame Intermédica para melhorar, continuamente, as suas unidades, aumentando o conforto e a praticidade para nossos beneficiários”, afirma Irlau Machado Filho, presidente do Grupo NotreDame Intermédica.
Além deste espaço, o grupo ainda manterá o atendimento aos beneficiários no Centro Clínico Diadema 1, localizado na Av. Presidente Kennedy, 247. Com a abertura da nova estrutura em Diadema, os outros centros do Grupo da região, localizados na Avenida Antônio Piranga, 867 e na Rua Manoel da Nóbrega, 571, encerrarão as atividades no próximo dia 13/9.
fonte: Repórter Diário

11 de ago de 2017

Diadema recebe loja do Spani Atacadista


A rede Spani Atacadista inaugura no dia 15 de agosto sua loja no bairro Serraria, em Diadema. Essa é a 18ª loja da bandeira que já atua nas cidades do Vale do Paraíba, Litoral Norte, Sul Fluminense, região do Alto Tietê, região de Campinas e capital paulista.
 Com um investimento de R$ 12 milhões, a nova loja está localizada na avenida Doná Ruyce Ferraz Alvin, n° 2635. A unidade já gerou 160 empregos diretos e ocupa uma área total de 3.676,39 m2, sendo que a área de vendas ocupa 2.010 m2, com 18 checkouts e 87 vagas de estacionamento para os clientes.
A nova loja irá oferecer mais de 10 mil produtos dos setores de açougue, bebidas, frios, laticínios, hortifrútis, importados, mercearia, higiene e limpeza. Dentre as vantagens que fazem do Spani Atacadista a melhor opção para os negócios estão o estoque garantido, ofertas exclusivas para os mais variados públicos, variedade de produtos, atendimento por televendas para tirar dúvidas e o desenvolvimento de campanhas sociais nas regiões em que atua.
Expansão
Atualmente o Spani Atacadista conta com 17 unidades distribuídas entre o Estado de São Paulo e região fluminense. Para atender toda a demanda, a rede conta com um Centro de Distribuição que está localizado estrategicamente na cidade de Taubaté, no Vale do Paraíba.
O Diretor Presidente do Grupo Zaragoza, Cléber Gomez, falou sobre o crescimento da empresa no Estado de São Paulo. “A bandeira Spani está crescendo em todo o Estado e prezamos, sempre, por oferecer a melhor qualidade no serviço, atendimento e o preço baixo, que é nossa marca no mercado. Estamos felizes em inaugurar uma unidade aqui em Diadema”, considera o Diretor Presidente.

28 de jul de 2017

Diadema vai ganhar segundo shopping em 2018


Nove anos após a inauguração do Praça da Moça, Diadema vai ganhar novo shopping em 2018. O Grupo Bem Barato apresentou ontem (26) a empreendedores e autoridades locais projeto e obras de centro de compras localizado no bairro Serraria, na esquina da Avenida Afonso Monteiro da Cruz com a Estrada do Rufino.
O Shopping Diadema, co­mo será chamado o empreendimento, terá 14,2 mil metros quadrados de Área Bruta Locável (ABL) total, dos quais 5 mil m² serão ocupados por um atacarejo Bem Barato, ân­cora do empreendimento. Atualmente, a rede possui oito unidades, das quais seis estão situadas no ABC. O investimento não foi divulgado.
O centro de compras terá 93 operações, o que inclui 79 lojas (uma âncora, 68 satélites e dez médias), praça de alimentação com nove restaurantes, complexo de cinema com quatro salas, playkids (parque de diversão indoor), academia e clí­nica, além do atacarejo.
Com a construção iniciada há alguns meses em terreno que já pertencia ao Bem Barato, o shopping terá quatro pavimentos, sendo dois de lojas e dois de estacionamento, com mais de 700 vagas.
Segundo o gerente de mar­keting do shopping, Marcos Farias, as obras serão entregues em janeiro e, depois dessa fase, os empreendedores terão 90 dias para montar as lojas. Assim, o complexo de­ve ser inaugurado no segundo trimestre de 2018.
Farias explicou que a localização do novo centro de compras está em sintonia com o público alvo do Bem Barato, voltado às classes B e C. Análise da influência do empreendimento revelou que, em um raio de dez minutos, há população de 392 mil habitantes, das quais 65,7% integram as classes B2 e C. Ainda segundo o estudo, o potencial de consumo desse contingente é estimado em R$ 258 milhões.
“A ideia inicial era construir apenas um supermercado. Porém, durante a fase de estudos de viabilidade, descobrimos que havia potencial no bairro para um shopping. Normalmente, quando quer ir a um centro de compras, a população da periferia é obrigada a se deslocar para o Centro. Ao trazer o empreendimento para o bairro, invertemos esse processo”, disse.
Farias reconheceu que os shoppings mais novos da região sofrem com elevada vacância, devido ao receio dos empresários de investir em uma época de crise. Porém, entende que nenhum deles tem um atacarejo como âncora, o que aumenta o poder de atração do empreendimento.
“O atacarejo será um ótimo gatilho para os lo­jistas”, afirmou o gerente de marketing. Além disso, o mix de lojas será cuidadosamente escolhido, de forma a atender a população residente nos arredores do centro de compras e com bastante espaço para prestação de serviço, como reza a cartilha dos shoppings de vizinhança.
Sem revelar números, Fa­rias afirmou que o Grupo Bem Barato registrou crescimento no ano passado, impulsionado pela abertura de duas lojas no ABC – um supermercado em São Bernardo, localizado em prédio onde funcionava a Coopervolks; e um atacarejo na Vila Palmares, em Santo André.
A unidade prevista para o Serraria será a maior da rede e vai empregar cerca de 400 pessoas. Atualmente, o Grupo Bem Barato possui 1,6 mil trabalhadores.

26 de jul de 2017

Com investimento de R$ 25 milhões, Assaí abre amanhã primeira unidade em Diadema


O Assaí Ata­cadista vai inaugurar, amanhã (27), sua primeira unidade em Diadema. A loja demandou investimento de R$ 25 milhões e faz parte do projeto de conversões implementado pelo Grupo Pão de Açúcar (GPA) – dono das marcas Extra e Assaí – desde o ano passado.
No ABC, a estratégia já resultou na conversão, para Assaí, de unidade do Extra localizada na Vila Luzita, em Santo André. Com investimento de R$ 14 milhões, a loja foi inaugurada no final de junho.
A nova unidade está situada na Avenida Piraporinha, 1.144. Tem aproximadamente 10 mil metros quadrados de área construída, dos quais 5,4 mil m² de espaço de vendas. Para a operação da loja foram gerados mais de 500 empregos diretos e indiretos.
“Para nós, é uma grande satisfação chegar a Diadema. Temos boa presença no ABC, mas faltava estar presente na cidade para ampliar ainda mais a participação. Queremos que os moradores do município e arredores encontrem no Assaí alternativa econômica para fazer suas compras”, disse em nota Belmiro Gomes, presidente do Assaí.
Na contramão dos supermercados, que tiveram queda de 1,5% nas vendas no ano passado, segundo a Associação Brasileira do setor (Abras), o faturamento dos atacarejos avançou 11,3%, conforme a Associação Brasileira de Atacadistas e Distribuidores (ABAD)
Para atender as necessidades de todos os clientes que têm acesso às lojas, o Assaí oferece a política de dois preços. Isso significa que o consumidor não precisa comprar uma caixa fechada para conseguir valores mais competi­tivos. A partir de pequenas quantidades já é possível pagar o valor de atacado – essa informação está disponível nas etiquetas dos produtos expostos na área de vendas.
fonte: Diário Regional

5 de jul de 2017

Integração entre ônibus municipais e Metra passará a ser cobrada nos Terminais São Mateus, Diadema e Piraporinha


A partir deste domingo, 9 de julho de 2017, passageiros que utilizam ônibus municipais em Diadema e seguem viagem nos ônibus e trólebus da Metra no Corredor ABD pelos terminais Diadema e Piraporinha passarão a pagar R$ 1 para fazer a transferência. A cobrança também será efetuada dos passageiros que usam os ônibus municipais em São Paulo, do sistema SPTrans, e que seguem viagem pelo terminal São Mateus na zona leste de São Paulo, no Corredor ABD.
Até então, a transferência é gratuita.
A polêmica da cobrança existe desde 2011 e já foi alvo de protestos políticos, inclusive com prefeito Lauro Michels, de Diadema, fechando o terminal da cidade com próprio carro em janeiro deste ano. Também houve diversas disputas judiciais.
Na decisão que permitiu com que o Governo do Estado de São Paulo reajustasse as tarifas metropolitanas no início do ano também já foi autorizada a cobrança da integração, mas por questões políticas a medida ainda não tinha sido colocada em prática.
A transferência por R$ 1 só poderá ser feita por meio do uso do cartão BOM – Bilhete de Ônibus Metropolitanos em qualquer uma das modalidades. No caso de estudantes, há desconto de 50%.
Quem não possui o Cartão BOM terá de pagar duas tarifas: a municipal e a tarifa do Corredor Metropolitano ABD , que é de R$ 4,30. Assim será necessário fazer o Cartão BOM que pode ser solicitado pela internet : https://www.cartaobom.net/index.aspx
Na resolução nº 50, da secretaria de Transportes Metropolitanos, o secretário Clodoaldo Pelissioni, diz que a decisão se dá por causa de custos maiores que a concessionária Metra tem ao assumir mais serviços de manutenção do corredor:
Considerando as novas atividades assumidas pela Concessionária METRA – Sistema Metropolitano de Transportes Ltda, no que tange i) à execução dos serviços correspondentes às funções de substituição, conservação, manutenção preventiva e corretiva da rede aérea de energia elétrica e dos equipamentos do Corredor Metropolitano São Mateus/Jabaquara e de sua extensão Diadema/Morumbi, abrangendo a fiação aérea, estações transformadoras e retificadoras, chaves seccionadoras, postes, tirantes e chaves; ii) implantação e operação do Centro de Controle de Energia – CEE; iii) execução dos serviços relativos à comercialização, distribuição e controle do vale transporte e, iv) desenvolvimento e implantação do sistema de controle de oferta
A cobrança será feita entre ônibus municipais da Mobibrasil e da Benfica, em Diadema, e das empresas do sistema SPTrans, em São Paulo, para o Corredor Metropolitano ABD . No sentido inverso, do corredor para os ônibus municipais, não haverá cobrança.
fonte diariodotransporte

Praça da Moça recebe 1ª pista de kart indoor de Diadema




O Shopping Praça da Moça, em Diadema, traz uma atração imperdível para os fãs de automobilismo e adrenalina: uma pista de kart indoor de 400 metros, com percurso de retas e curvas, ideal para desafiar aqueles que querem brincar de pilotos e até convidar amigos ou a família para disputar uma bateria.
Com potência média de 6,5 HP, os carros utilizados no kart indoor permitem uma diversão segura aos participantes. Além da estrutura montada com pneus para delimitar a pista e servir de barreira de proteção, são fornecidos itens de segurança como capacetes e luvas.
Podem participar adultos a partir de 1,5 m de altura e até 120kg, e crianças a partir de 7 anos de idade e 1,30m de altura (menores de idade deverão estar acompanhados pelos pais ou responsáveis). As restrições são para mulheres grávidas, pessoas descalças ou com sapato aberto.
Kart indoor no Shopping Praça da Moça
Quando: até 31 de outubro
Horário: de segunda a sexta das 14h às 22h, aos sábados, domingos e feriados das 10h às 22h
Local:  Estacionamento G3
Tempo de corrida: 15 minutos (R$ 35) e 30 minutos (R$ 70).

fonte RD 

4 de jul de 2017

AcelorMittal abre novo centro de distribuição em Diadema



A AcelorMittal, multinacional que é a maior produtora de aço do mundo, iniciou as operações de um novo centro de distribuição em Diadema. A unidade vai abastecer todos os clientes da região metropolitana de São Paulo, com capacidade de armazenar 3,2 mil toneladas de mercadoria.
O projeto conta com apoio da Investe São Paulo, a Agência de Promoção de Investimentos e Exportação ligada à Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação. “Fizemos um extenso trabalho de busca para um local adequado, oferecendo informações estratégicas fundamentais para o sucesso do empreendimento”, afirma o diretor da Agência, Sérgio Costa.
A expectativa é que o centro gere entre R$ 170 e 180 milhões de faturamento, empregando cerca de 300 pessoas. Foram investidos R$ 1,7 milhão no projeto.
Na ArcelorMittal Brasil, o modelo de negócio considera toda a cadeia de valor, do fornecimento de insumos à entrega do aço ao cliente final, seja no ambiente B2B (Business to Business), que envolve grande parte das operações da Empresa por meio da rede de distribuição, ou B2C (Business to Commerce), na rede de lojas próprias e no e-commerce, plataforma inaugurada em 2015. Esse modelo assegura ampla presença do aço ArcelorMittal no país, custos competitivos, oferta de produtos com valor agregado e alta performance na entrega dos resultados, integrando a gestão de pessoas aos métodos avançados de gestão.
SOBRE A ACELORMITTAL
Líder no mercado global de aço, a empresa abastece cadeias industriais nos setores automotivo, de construção, eletrodomésticos e embalagens, tendo 222 mil empregados em mais de 60 países. Só no Brasil, a empresa tem 29 unidades e 13 mil funcionários, produzindo cerca de 11,3 milhões de toneladas de aço e 7,1 toneladas de minério de ferro por ano.

12 de jun de 2017

9 de jun de 2017

Loja 10 pastéis chega ao Shopping Praça da Moça



A partir de 7 de junho, os frequentadores do Shopping Praça da Moça, em Diadema, ganham mais uma opção: a loja 10 Pastéis, que chega com o modelo “express”, serviço ágil e cardápio com 23 opções de pastéis salgados e doces, entre elas o pastel de Bauru. Preparado de acordo com a receita tradicional do famoso lanche paulista, o pastel é uma novidade da rede exclusiva para a unidade de Diadema.
Além disso, podem ser servidos em três opções de massas (tradicional, picante ou chocolate) e duas formas de preparo: frito ou tostado, com 43% menos gordura. O menu conta também com outras opções de lanches, como porções de pastéis e batata frita, combos, panquecas, saladas e almoços executivos.
“Sabemos que o paulista adora pastel, por isso, estamos animados com essa operação em Diadema”, destaca o fundador da rede, Marcos Nagano. A marca possuí mais de 30 unidades em sete estados brasileiros e, agora, no Shopping Praça da Moça inaugura a sua quarta loja no estado paulista.
Shopping Praça da Moça
Rua Manoel da Nóbrega, 712 - Centro, Diadema
Telefone: (11) 4057-8900

24 de mai de 2017

Casa do Construtor inaugura primeira unidade em Diadema


A Casa do Construtor abre neste sábado (27/5) sua primeira loja em Diadema. Atualmente existem duas unidades na região, em São Bernardo e Santo André. Com a inauguração, a rede, maior franquia de locação de equipamentos de pequeno porte para a construção civil, alcança a marca de 116 franquias no Estado de São Paulo e 250 franquias em todo o País. A franquia prevê ainda ampliação para Ribeirão Pires e Mauá.
A nova unidade, com investimento de R$ 500 mil, segue o modelo padrão da Casa do Construtor que é referência no segmento da construção civil. Com área média de 350 m2, a loja oferece mais de 70 opções para construção civil e varejo. “Os produtos são atraentes para consumidores que desejam mexer desde a manutenção até o mercado ativo. Nos próximos três meses devemos ainda inaugurar a unidade de São Caetano e temos interesse em ampliar para Ribeirão Pires e Mauá”, adianta o consultor de expansão da Casa do Construtor, Renato Almeida.
Os clientes podem alugar equipamentos como ferramentas elétricas, rompedores, compactadores, betoneiras e estruturas metálicas, além de instrumentos para limpeza e jardinagem. “Trata-se de um polo de grande importância para a expansão da rede e uma região com alto potencial de vendas. A inauguração de nossa primeira loja em Diadema chega para atender ao público da região e ampliar cada vez mais nossos negócios no Grande ABC e entorno”, comemora Alexandre Lorenzon, gerente de expansão da Casa do Construtor.
Para 2017, além de 14 unidades somente no estado de São Paulo, a Casa do Construtor projeta outras 15 lojas em estados como, Minas Gerais e Rio Grande do Sul, mas também, em localidades concentradas nas regiões Norte e Nordeste do País, onde a rede enxerga grande potencial para os negócios. Das unidades, 10% são lojas próprias e 22% franquias. Para alcançar a meta, a rede adota quatro estratégias: Loja nova, conversão de bandeira, expansão interna e o lançamento de unidades +Rental, modelo de franquia compacto, para cidades de até 50 mil habitantes, instalado dentro de lojas de material de construção.
 Repórter Diário