9 de jul de 2012

Construtoras que mais investem em Diadema - MZM


A facilidade do crédito imobiliário não é o único atrativo para as pessoas que desejamcomprar a casa própria em Diadema (SP), uma das cidades que compõe a Região do Grande ABC. Segundo dados da Prefeitura do município, a demanda gerada pelos grandes eventos esportivos previstos para o país até 2016 é objeto de atenção no que diz respeito a política pública e desenvolvimento social. Além disso, a cidade já está entre as 40 maiores do Brasil e sua estratégica localização é considerada um dos grandes diferenciais para atrair a população das cidades vizinhas, como São Paulo (SP).
A MZM Construtora, eleita a maior construtora da Grande São Paulo pelo Ranking ITC, aposta nos potenciais de expansão do município. Com um empreendimento residencial já pronto (Residencial Paraty) e outro na fase de obras (Residencial Conquista Praça da Moça) na cidade, a construtora prevê ainda para este ano mais quatro grandes lançamentos: Residenciais Conquista Alda, São Francisco e Prestes Maia, além de um empreendimento mixed-use que contará com um hotel, torre comercial e mais um condomínio clube completo. O investimento total da MZM Construtora em Diadema em 2011 foi de R$ 200 milhões e até o final deste ano, o valor de investimento da empresa na cidade deve chegar a R$ 600 milhões. Ao todo serão 1.015 unidades a serem lançadas entre 2012 e 2013.
Para Francisco Diogo Magnani, presidente da MZM Construtora, “um dos principais atrativos da cidade é a localização. Ela está na divisa com a região sul da capital paulista, uma das mais movimentadas e valorizadas de São Paulo e próxima ao trecho sul do rodoanel, que facilita bastante a locomoção de quem vive em Diadema, por isso as pessoas podem optar em morar em Diadema e trabalhar em São Paulo, o que já acontece muito. O valor do imóvel é outro diferencial, já que está, em média, até 35% abaixo do preço de mercado se comparado a imóveis do mesmo padrão da capital”.
Conforme a Prefeitura, o déficit habitacional na região é de cerca de 9.500 unidades, sendo 4.400 prioritárias. “Um dado interessante para as pessoas que desejam comprar a casa própria é que está mais fácil o poder de negociação bancária. Um jovem casal que decide casar-se, por exemplo, pode juntar os ganhos mensais para tentar um financiamento, obtendo sucesso na maioria das vezes”, lembra Magnani.
Já no âmbito dos negócios voltados a investidores, a MZM Construtora lançará em breve o primeiro hotel de Diadema. O empreendimento chamado de Le Monde é um complexo arquitetônico mixed-use, composto por um hotel, uma torre comercial e mais três prédios residenciais que terão o conceito de um condomínio clube. Em expansão também nos negócios, a cidade possui mais de 2,5 milhões de consumidores e um potencial de compras anual da ordem de R$ 30 bilhões, segundo a Prefeitura.
fonte: Helio Korehisa

Nenhum comentário: